Decoração, Inspiração, Off Topic

Reflexões e decoração do dia para bibliotecas

Bom dia meninas!

Os dias por aqui estão cada vez mais frios, e hoje tinha uma camada de névoa no bosque aqui do lado de casa. Lindo, mas nada encorajador quando a pessoa tem que sair de casa para trabalhar. O dia está tão melancólico… o ideal para mim seria estar agora debaixo do edredon de penas de ganso (pobres gansos, mas eu não consigo dormir com outro!) lendo um livro bom… hoje estou viciada em Nietzsche, aquele que era insatisfeito com tudo e com todos, e que ainda é uma caricatura perfeita do povo alemão, não pelas suas crenças ou idéias, mas pelo seu olhar crítico, afiado, insatisfeito.

É isso. Um alemão se acha sempre no direito de discorrer sobre o seu ponto de vista, não importa qual. Espere sempre de um alemão que ele seja sincero e direto (o que às vezes é bem incômodo). Nós brasileiros sempre falamos com cuidado o que nós pensamos, e nem sempre somos sinceros por uma boa causa: para não magoar alguém. E pontual. As pessoas insatisfeitas ou não-conformadas são a minha espécie predileta. Essa insatisfação traduz apenas a vontade de sempre fazer o melhor, de crescer e consequentemente evoluir, sabendo que o agir é que move tudo. De alguma forma estranha, aqui os termos: „Deus dará“, „é o destino“, „o que eu posso fazer?“ são conhecidamente usados por pessoas que empobreceram de espírito. No Brasil é meio que uma filosofia amplamente difundida… quem já não ouviu um „entregue nas mãos de Deus“? Aqui se sabe que „Deus ajuda quem cedo madruga“, como diria meu querido falecido Professor de Introdução ao Estudo do Direito, Armando da Costa (sim, eu sou formada em Direito pela UNICAP).

E foi assim que eles reconstruiram tudo depois da guerra. E é assim que eu vejo que mesmo sendo rico, o jovem alemão sai da casa dos seus pais para morar em uma república sem luxos em alguma cidade universitária para estudar. E paga os seus estudos sozinho (as universidades públicas são pagas aqui, geralmente se paga uma taxa de 600 euros por semestre), trabalhando como garçom, cozinheiro, auxiliar de alguma coisa, até conseguir um estágio ou algo melhor. As pessoas que são novas demais e que, não por mérito próprio, conseguem comprar uma Louis Vuitton (ou uma Hermès!!!) não são bem quistas ou admiradas (como ocorre no Brasil: ainda há uma admiração exagerada pelos nascidos em berço de ouro, e que apenas ostentam o dinheiro dos seus pais/família). Quer ser admirado na Alemanha? Então trabalhe duro.

Nesse sentido, fico feliz em saber que todos os dias conquisto algo. Não uma bolsa de grife, mas um pouco de reconhecimento, ou a certeza de que trabalho num terreno fértil que me dará muitos frutos no futuro.

Se tudo der certo, provavelmente mudaremos de apartamento logo logo. E quando falo em mudanças, os dois cômodos que povoam os meus sonhos são a cozinha e a biblioteca. A última nem tem um quarto só para si, mas eu estou buscando idéias para incorporá-la na sala de estar. E eu estou tão animada com essa biblioteca que desde sempre foi a promessa do meu marido: „te darei filhos e uma biblioteca“ disse ele ao me pedir em casamento em Paris. Agora eu só tenho uma estante que vai até o teto, branca e linda, mas abarrotada de livros. Aqui estão as inspirações para bibliotecas:

Bom, a primeira foto é o meu sonho! Talvez quando estiver velhinha consiga comprar uma casa ou apartamento grande o suficiente para fazer isso. Por enquanto é só um sonho.

A segunda foto é uma alternativa bem interessante… usar uma parede que é menor para fazer esse tipo de armário é perfeito! É uma forma inteligente de programar o uso do espaço (pequeno) que você tem em casa.

Essa aqui é a alternativa predileta do meu marido e mais condizente com o espaço que talvez teremos disponível. Amo as luminárias!

Que tal ter que escalar para pegar algum livro? Vamos lá, gente! Um pouco de emoção e aventura não faz mal para ninguém!

AI MEU DEUS DO CÉU. ME DÊ POR FAVOR MUITO AMOR, PAZ E DINHEIRO SUFICIENTE PARA COMPRAR OS MELHORES E MAIS PERFEITOS LIVROS DO MUNDO! E ME DÊ POR FAVOR UMA CASA ASSIM, PARA QUE EU FAÇA UMA BIBLIOTECA EXATAMENTE DESSE JEITO.

Muita gente deve está dizendo: QUE CAOS! Gente, essa biblioteca seria o meu mais absoluto sonho de consumo… só de imaginar quantos livros perfeitos estão aí dentro… só de imaginar a variedade… a paz de sentar nesse sofá (eu acho que eu mandaria instalar uma rede aí para deitar e ler!). Ai, ai, ai. Linda, linda, linda.

Amo o design dessa! Mas não tem livros o suficiente aí, hein?

Essa é muito prática e realizável. Também está na minha listinha de possíveis para esse ano.

Mais um caos… eu adoro esse caos!

Essa é mais organizadinha e deixou o ambiente tão afável. Mostrei ao meu marido e ele disse que a televisão no meio é inadmissível. Eu perguntei a ele o por quê, ele respondeu que jamais conseguiria sobreviver com uma tv pequena desse jeito. hahaha E disse mais: „oi? Onde é que eu vou colocar o meu PS3?“. Não, ele não tem 15 anos, e eu não sou pedófila. Ele tem 30 anos!!!

Meninas, vocês também são apaixonadas por livros? Como vocês organizam eles em casa?

Beijos congelados da Alemanha,

Nanda

Standard

9 Gedanken zu “Reflexões e decoração do dia para bibliotecas

  1. B. schreibt:

    Oi Nanda, é a Bia do face.
    Tudo bem?
    Queria muuuuuuito uma prateleira assim, cheinha de livros! Sonho que será realizado em breve hahahha
    Olha, cê fez uma enquete sobre como estão aparecendo as imagens no seu blog, olhando agora parece que elas estão beeeeem esticadas, sabe? Adorei seu outfit do trabalho. Super quero suas botinhas hahahah
    beeeijos

  2. Lilian Lourenço schreibt:

    Post perfeito! Meus bisavós eram alemães, e é essa impressão mesmo que eles passam, acho bem interessante (e triste) essa diferença entre brasileiros e alemães.
    Ah, tbm adoro meus livros bagunçadinhos, amo bibliotecas..e sou formada em Direito, rá..
    bjo..

  3. Realmente a diferença cultural e de pensamento ainda é muito chocante entre o Brasil e países como Alemanha e França, mas nada é por acaso, é só dar uma olhada nas histórias dos países e como foram formados que muitas coisas se explicam. Adoro livros e vivo tentando arrumar espaço no meu apê para os meus filhos queridos. Recentemente adquiri uma escrivaninha bem compacta e que serve de prateleira também, para pequenos espaços é ótimo! É essa aqui da Etna: http://www.etna.com.br/ch/prod/5039/estante-escrivaninha-ere.aspx
    Bjos
    http://www.superbelas.wordpress.com

    • Flávia eu adoro esse tipo de estante!! Só que o problema é que o novo apartamento é pequeno (mas um pouco maior do que eu tenho agora) e eu quero ver se aproveito para usar o espaço da melhor forma possível, colocando umas estantes até o teto para poupar espaço. Mas a escrivaninha pode ser uma solução para guardar a minha maquiagem no quarto!

      Beijos Flávia!

Schreibe einen Kommentar

Trage deine Daten unten ein oder klicke ein Icon um dich einzuloggen:

WordPress.com-Logo

Du kommentierst mit Deinem WordPress.com-Konto. Abmelden / Ändern )

Twitter-Bild

Du kommentierst mit Deinem Twitter-Konto. Abmelden / Ändern )

Facebook-Foto

Du kommentierst mit Deinem Facebook-Konto. Abmelden / Ändern )

Google+ Foto

Du kommentierst mit Deinem Google+-Konto. Abmelden / Ändern )

Verbinde mit %s